Oração da mulher inteira

Foto | Hanna Postova

Não me desculparei pelo meu prazer.

Não terei vergonha de reivindicá-lo.

Não pedirei perdão pelo que não tenho culpa.

Não me justificarei sobre os meus motivos.

Não odiarei meu corpo.

Não serei obrigada.

Não calarei meu gozo.

Não temerei a força do meu orgasmo.

Não sucumbirei à força da repressão.

Não cessarei de buscar a plenitude.

Não duvidarei da minha capacidade de ser feliz.

Não abandonarei a missão de me tornar uma mulher cada vez mais inteira.

Amém.

Lua Menezes

Lua Menezes é escritora e terapeuta especializada em sexualidade feminina. Formada em Teatro, com mestrado em Artes Cênicas, Lua sempre se interessou pelos estudos do corpo, da sexualidade e do erotismo nas artes. Até que depois de uma crise existencial resolveu mudar tudo: foi morar numa comunidade tântrica e se capacitou como terapeuta. A partir daí foi se especializando e dedicando cada vez mais seu trabalho para o público feminino. Hoje mora em Auckland, Nova Zelândia, alimenta o projeto de literatura erótica Lasciva Lua e continua sonhando em transformador o mundo através da arte, do conhecimento e do amor.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.