O tédio de Eva

Foto | Maria Papaspirou

Era um casal clássico:

Ele se chamava Adão,

ela se chamava Eva.

A maçã continuava inteira e 

e Eva estava já cansada do Paraíso

Eva: -Você tem que pagar uma prova.

Zaz…Adão desapareceu e sorridente 

trouxe uma cesta cheia de alecrim. 

Eva gostou da erva.

Eva: – Que bom isto que você escolheu, 

Oh, querido Adão. 

Temi que você fosse trazer 

uma cesta de horrorosas maçãs, 

dessas que esta serpente insistente 

não pára de querer nos fazer provar.

Adão:  -Então, ganhei!

Eva:    – Ganhamos os dois,

mas, na verdade,

eu esperava algo mais sonoro.

Adão: – Ah, isso é fácil.

Zaz… Adão voltou com a mesma cesta de alecrim, 

só que desta vez veio cantando. 

Eva: -Que bela melodia esta, 

Oh, querido Adão. 

Temi que você voltasse calado, 

ou que simplesmente trouxesse

 um barulho da natureza, 

como este que faz essa serpente repetitiva 

quando rasteja pela copa da árvore

Adão: -Então, ganhei!

Eva:   – Ganhamos os dois, 

mas, na verdade, 

eu esperava algo mais movimentado.

Adão: – Ah, isso é fácil.

Zaz… Adão voltou com a mesma cesta de alecrim,

 só que desta vez veio dançando.

Eva: – Que belos passos estes, 

Oh, querido Adão. 

Temi que você voltasse cansado e sem ânimo

 para compassos ou que, pior, 

aparecerias com algo em zig-zag, 

imitando esta serpente suntuosa 

que passa o dia aqui querendo dar as regras.

Adão: -Então, ganhei!

Eva:   – Ganhamos os dois,

mas, na verdade,

eu esperava algo mais colorido.

Adão: – Ah, isso é fácil.

Zaz… Adão abandonou a cesta

e voltou com o alecrim nos cabelos.

E de longe se via o homem equilibrando-se

em tantas manobras.

E Eva, quando viu Adão 

vindo ao longe, sorridente, 

com o alecrim nos cabelos,

cantando e dançando,

cansou-se, 

olhou para o lado

e resolveu reconsiderar a serpente.

Cynthia Valente

Poema do Livro  Que trazes pra mim?, publicado em 2006, pela EDUFSC

Cynthia Valente

Também chamada de Tita, nome inventado por uma de suas irmãs, é escritora e mãe do Caiano e do Ian. Fala pelos cotovelos e adora colecionar amigos à distância. Escreve com a intenção de brincar com o quebra-cabeça dos sentimentos. Vê na infância a maior riqueza do mundo. Gosta da vida!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.